quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Acupuntura para Dor

 

Atuação da Acupuntura na Dor Crônica

Dor (crônica) persistente é um problema generalizado que afeta milhões de pessoas de todas as idades no Brasil. Em 22% dos casos, a dor crônica leva à depressão, e cerca de 25% das pessoas diagnosticadas com a dor crônica costumam perder seus empregos.

É sobre isso que iremos falar neste post. Revelaremos um método que pode tratar esta situação dolorosa, combatendo a raiz do problema e gerando melhoria na qualidade de vida. Conheça a técnica de acupuntura contra dor.



Dor crônica



Dor crônica pode ser causada por diversas patologias, tais como: osteoartrite; artrite reumatoide; lombalgias (hérnia de disco, ciatalgia, lombalgia mecanopostural); dor de cabeça e enxaqueca; dor do câncer; síndrome dolorosa miofascial; fibromialgia; dor neuropática (por exemplo, neuralgia trigeminal, nevralgia pós-herpética); condições crônicas de uso excessivo (por exemplo, tendinite); e dor visceral crônica (por exemplo, síndrome do intestino irritável).
Porém, é importante entender o significado desta dor. Quando falamos em algo doloroso, queremos dizer que é uma dor crônica, que acontece com frequência e causa sensação extremamente desconfortável. Exemplo: enxaqueca.
Também podemos citar como dor crônica aquela que algumas pessoas sentem nas costas. É algo que, de tão frequente, já se tornou comum e o indivíduo se acostumou com ela.
A dor crônica pode se manifestar por meses e até anos. Ela não deve jamais ser tratada como normal e ninguém é obrigado a viver com este incômodo. Deve sim ser reconhecida como um sinal de que algo não está normal em nosso organismo e a situação precisa ser averiguada.
Ela afeta cerca de 60 milhões de brasileiros, sendo que a metade deles não consegue desenvolver satisfatoriamente a sua rotina por causa da dor. Portanto, a dor crônica diminui a qualidade de vida de 30 milhões de brasileiros. É um número assustadoramente alto!

Alarme do nosso organismo

Para que você entenda melhor, faremos uma comparação. A dor é como um alarme instalado em nossa residência. Quando algo está errado (um ladrão querendo assaltar, por exemplo), o alarme dispara e a pessoa vai averiguar o que acontece.
Com a dor é a mesma coisa. Ela nos avisa que nossa casa (corpo) não está normal e precisamos consultar um médico para descobrir a causa do alerta. Porém, se o alarme começa a disparar com frequência, o dono da residência acaba se acostumando com o sinal e já não mais se preocupa com o barulho.
Se você se acostumar com o alerta do corpo e não averiguar o problema, pode ser que o ladrão (dor) acabe tomando conta de você e te deixe prejuízos (doença). Entendeu a gravidade?

Como a acupuntura pode ajudar

Pesquisas recentes têm mostrado que a acupuntura é eficaz no tratamento usual para a dor crônica, osteoartrite ou cefaléias. Há também evidências de que é mais eficaz do que a acupuntura sham para a dor crônica no joelho ou dor de cabeça e, pelo menos a curto prazo, para a dor lombar crônica. Outras condições foram pouco estudadas.

Há também evidências de ensaios clínicos randomizados e revisões sistemáticas que sugerem que a acupuntura pode reduzir a dor crônica na síndrome miofascial, problemas crônicos no ombro, síndrome crônica prostatite/dor pélvica e cotovelo de tenista. Há uma evidência preliminar de acupuntura auricular também na dor oncológica.

Em geral, acredita-se que a acupuntura pode estimular o sistema nervoso e provocar a liberação de moléculas mensageiras neuroquímicas. As alterações bioquímicas resultantes influenciam os mecanismos homeostáticos do corpo, promovendo, assim, bem estar físico e emocional. A estimulação de determinados pontos através da acupuntura pode interagir em áreas do cérebro que são conhecidas por reduzir a sensibilidade à dor e tensão, bem como promover o relaxamento e a desativação da função analítica do cérebro, que é responsável pela ansiedade.

A acupuntura pode ajudar a aliviar a dor crônica através dos nervos estimulantes localizados em músculos e outros tecidos, o que leva à liberação de endorfinas e outros fatores neuro-humorais (por exemplo, neuropeptídeo Y, serotonina), e alterando o processamento da dor no cérebro e da medula espinal.

O efeito da Acupuntura comprovado por exames de ressonância

Estudos recentes com Ressonância Magnética Funcional vem demonstrando um dos possíveis mecanismos de ação da acupuntura no tratamento de dor: a inativação e modulação de certas áreas cerebrais relacionadas à dor crônica e suas consequências.

Pesquisadores vem encontrando evidências de mecanismos neurais envolvidos na ação da acupuntura na dor, afetando não apenas a atividade cerebral, mas modulando também as sinapses e conexões nervosas. Estudos documentam a resposta cerebral a estímulos de alguns pontos de acupuntura, envolvidos na região cortical e subcortical.



Agende uma avaliação e entenda pessoalmente como a acupuntura pode te ajudar
Memento Vivere
(11)4582-5748 (11)97026-6585

Fonte: http://www.hong.com.br

http://www.lembredeviver.com.br     Tel 11 4582 5745
Atuação da Acupuntura na Dor Crônica
Dor crônica pode ser causada por diversas patologias, tais como: osteoartrite; artrite reumatoide; lombalgias (hérnia de disco, ciatalgia, lombalgia mecanopostural); dor de cabeça e enxaqueca; dor do câncer; síndrome dolorosa miofascial; fibromialgia; dor neuropática (por exemplo, neuralgia trigeminal, nevralgia pós-herpética); condições crônicas de uso excessivo (por exemplo, tendinite); e dor visceral crônica (por exemplo, síndrome do intestino irritável).
Seu vídeo será publicado em: https://youtu.be/VKp_Yc7xocg

Nenhum comentário:

Postar um comentário